Cristiane Dias

Minha foto
Um blog bem diversificado com assuntos interessantes e atuais. Além de muitas dicas de manutenção para seu computador e navegação na web.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

68 Anos do Ataque Mais Cruel do Mundo

Bomba atômica atinge Hiroshima e Nagasaki

O bombardeamento de Hiroshima e Nagasaki foram feitos no final da  2ª Guerra Mundial contra o Império do Japão pelas forças aéreas americanas sob a ordem do então presidente Harry S.Truman nos dias 06 e 09 de agosto de 1945
A escolha dos "Alvos" foi feita a partir de interesses militares, mas sobretudo de cunho político-econômico, pois Hiroshima e Nagasaki eram as regiões mais desenvolvidas industrialmente do Japão na época, e com a chegada do fim da Segunda Guerra, o Japão seria a única potência que poderia desequilibrar o fluxo de capitais e mercadorias, por isso se escolheu estes como alvo.
No dia 06 de agosto de 1945 B-29 Enola Gay, nome da mãe do piloto, Coronel Paul Tibbets, decolou da base aérea de Tinian no Pacífico Oeste, a aproximadamente 6 horas de voo do Japão.

 Às 8h15min, o Enola Gay largou a bomba nuclear "little boy"sobre o centro de Hiroshima. Ela explodiu a cerca de 600 metros do solo, com uma explosão de potência equivalente a 13 kton de TNT, matando um número estimado de 70.000 a 80.000 pessoas instantaneamente. Pelo menos 11 prisioneiros de guerra dos E.U.A. morreram também. Os danos infraestruturais estimam-se em 90% de edifícios danificados ou completamente destruídos.



A destruição foi devastadora

Na manhã de 9 de Agosto de 1945, a tripulação do avião dos E.U.A. B-29 Superfortress, baptizado de Bockscar, pilotado pelo Major Charles W. Sweeney e carregando a bomba nuclear de nome de código Fat Man, deparou-se com o seu alvo principal, Kokura, obscurecido por nuvens. Após três vôos sobre a cidade e com baixo nível de combustível devido a problemas na sua transferência, o bombardeiro dirigiu-se para o alvo secundário, Nagasaki — a maior comunidade cristã do Japão. Cerca das 7h50min (fuso horário japonês) soou um alerta de raide aéreo em Nagasaki, mas o sinal de "tudo limpo" (all clear, em inglês) foi dado às 8h30min. Quando apenas dois B-29 foram avistados às 10h53min, os japoneses aparentemente assumiram que os aviões se encontravam em missão de reconhecimento, e nenhum outro alarme foi dado.
(Superfortress-Brockscar)

Às 11h02min, uma aberta de última hora nas nuvens sobre Nagasaki permitiu ao artilheiro do Bockscar, Capitão Kermit Beahan, ter contacto visual com o alvo. A arma Fat Man, contendo um núcleo de aproximadamente 6,4 kg de plutónio-239, foi largada sobre o vale industrial da cidade. Explodiu 469 metros acima do solo, a cerca de meio caminho entre a Mitsubishi Steel and Arms Works (a sul) e a Mitsubishi-Urakami Ordnance Works (a norte), os dois principais alvos na cidade. De acordo com a maior parte das estimativas, cerca de 40.000 dos 240.000 habitantes de Nagasaki foram mortos instantaneamente, e entre 25.000 a 60.000 ficaram feridos. No entanto, crê-se que o número total de habitantes mortos poderá ter atingido os 80.000, incluindo aqueles que morreram, nos meses posteriores, devido a envenenamento radiativo.
(FatMan)
As explosões nucleares, a destruição das duas cidades e as centenas de milhares de mortos em poucos segundos levaram o Império do Japão à rendição incondicional em 15 de agosto de 1945, com a subsequente assinatura oficial do armistício em 2 de setembro na baía de Tóquio e o fim da II Guerra Mundial.

A maior crueldade que um ser humano poderia fazer para seu semelhante.


3 comentários:

  1. Eu acho que isso não era necessário,foi uma covardia,que mancha nossa história e até hoje as pessoas daqueles lugares sofrem com problemas decorrentes da radiação.Lamentável-Anita De LIma

    ResponderExcluir
  2. Ficou muito boa a matéria e fechou com chave de ouro esse vídeo do Ney Matogrosso,parabéns.-Sergio Cavalcante

    ResponderExcluir
  3. Muitos jovens de hoje não sabem da dimensão que foram esses dois ataques,muito boa sua matéria,está ótima-Paula Guedes

    ResponderExcluir